Publicado Agosto de 2017


PARA NÃO ESQUECERMOS O TEMA DA CAMPANHA DA FRATERNIDADE!

Há um provérbio que recomenda: “É necessário repetir os ensinamentos bons”. Quem de nós não repetiu centenas de vezes as continhas da Tabuada? Neste sentido, desejo fazer memória de alguns conselhos preciosos e comportamentos práticos possíveis a respeito da Campanha da Fraternidade deste ano, ligados particularmente ao nosso bioma da Mata Atlântica. De fato, o tema da CF ressoa muito alto durante a Quaresma, mas, a partir da Semana Santa em diante, por causa das diferentes celebrações e de outros assuntos igualmente indispensáveis, ele se esfria. Por isso, não podemos esquecer a urgência do cuidado com a criação de Deus, que é nossa Casa Comum.


1. Não façamos queimadas, pois elas empobrecem a qualidade do solo e a fumaça prejudica a saúde e a qualidade do ar. O lixo vegetal pode tornar-se um ótimo adubo!


2. Não cortemos árvores, a não ser que seja absolutamente necessário. Pelo contrário, plantemos árvores nativas e frutíferas, já que nosso solo é apropriado.


3. Não construamos residências em várzeas ou na beira dos rios e córregos, assim evita-se enchentes devastadoras e, às vezes, com mortes.


4. Protejamos e conservemos as nascentes de água, pois são elas que abastecem os rios de onde é tirada e tratada a água para o nosso uso.


5. Ecomizemos água e energia elétrica: isto faz bem à natureza e à economia (bolso!).


6. Reduzamos o consumo de bens e evitemos o desperdício, produzindo menos lixo e reutilizando as embalagens.


7. Separemos o lixo e façamos uso da coleta seletiva.


8. Não joguemos o óleo de cozinha já usado na pia de casa. Deve ser colocado em garrafas pet e levado em lugares onde será recolhido e reciclado. Nossas igrejas podem auxiliar nisto. A natureza agradece.


9. Façamos o mesmo com objetos de vidro quebrados: devem ser guardados à parte, para que venham a ser reaproveitados e também para que os catadores não firam suas mãos na hora de apanhá-los.


10. Cuidemos bem das ruas e das praças, evitando jogar lixo em todo canto. Lugar de lixo é a lixeira! Os sacos de lixo devem ser colocados nos lugares certos, antes que o caminhão da limpeza urbana passe!


11. Ao construirmos ou reformarmos nossa casa, não cimentemos todo o quintal e a calçada. Plantemos árvores e flores que protegem o solo, produzem sombra, purificam o ar e embelezam o ambiente.


12. Abramos nossos ambientes comunitários para parcerias sadias e sérias com o Poder Público ou Instituições Privadas, em prol da formação ambiental e profissional de nossos jovens e adultos.


É tão bom vivermos em cidades limpas e organizadas! Amemos o ambiente onde moramos e trabalhamos. Com a colaboração de cada cidadão e cidadã e com a prestação fiel de serviço por parte do Poder Público, nos será possível ter uma qualidade de vida melhor para todos.


É isto que também Deus deseja e espera de nós!


Importante: Procuremos participar, em maior número possível, da Festa de nosso Seminário Paulo VI nos dias 19 e 20 deste mês.


Desde já, muito obrigado! Abraço fraterno com as bênçãos de Deus e o carinho de Maria!

 

Dom Luciano Bergamin, CRL

Bispo Diocesano

VÍDEO EM DESTAQUE
VEJA TAMBÉM
 
   
nossos contatos  

 
(21) 2767-7943
 
caminhandojornal@gmail.com
 
/diocesedenovaiguacu
 
 
endereço

Mitra Diocesana
Endereço: Rua D. Adriano Hipólito, 8
Bairro: Moquetá - Nova Iguaçu - RJ